sexta-feira, 5 de outubro de 2012

Alçar voo



Hoje eu quero falar de alçar voo. De inspiração, de bloqueio, de verdade.
Eu adoro escrever! E se vocês pegarem meu blog desde o começo, vão ver que as coisas vão evoluindo.
Escrever pra mim é uma eterna evolução, já que quando a gente fica presunçoso e acha que já está maduro, é só reler as coisas que escrevemos e escrevíamos, para notar com maior clareza nossos enganos e egocentrismos.

Só que nem sempre o que eu escrevo agrada a todos. E isso, apesar de não ser intencional, tem que ser feito. Pois eu não posso parar o meu meio de maior aprendizado, para aliviar o ego alheio. Prefiro apenas que não me leiam, ou considerem que eu não faço pra magoar ninguém.
Esse blog não se trata dos outros. Se trata da minha vida, e o resto é brinde.

Eu me julgo uma pessoa com o mínimo de bom senso, mas não posso ficar paranoica pensando se tudo que eu escrevo vai magoar alguém, pois sendo assim, eu nunca mais escreveria.
Eu já me desfiz de amizades que queriam me parar.
Eu nunca vou parar.
Eu ainda amo as pessoas que entraram no meu caminho. Mas é preciso separar os feijões para se chegar onde se quer chegar. Então saibam todos vocês, até os que me odeiam: eu amo vocês.

Agora sobre escrever... Escrever é inspiração! Escrever é livre! Não é algo que eu seja racional, eu escrevo com sentimento. Como na figura acima, quando eu escrevo eu sou livre! Eu voo para qualquer lugar, eu me desfaço. Uma das minhas maiores alegrias, mesmo que eu escreva muito melancólica, é escrever.
É como se eu estabelecesse uma conexão entre todos os meus Eus. O do presente com o do passado, e ambos com o do futuro. É como se eu me comunicasse comigo mesma. Eu passo sermão pra mim mesma no passado. Mas me consolo, no presente. E me surpreendo no futuro, tanto pra bom, quando pra ruim.
Quando eu escrevo, eu nunca estou verdadeiramente sozinha. Mesmo que hoje eu me sinta só, amanhã eu lerei, e mentalmente desejaria fazer carinho na cabeça da Tábata de ontem, então não me sinto só.

Doido não é?

Lembram-se do post Sensible Heart ? Pois bem, o meu "segredo" é ciumento. E isso, infelizmente é um bloqueio. Ele é um dos motivos pelo qual as vezes deixo de postar. Mas estou disposta a me superar, e encontrar um meio termo. Não posso desistir de mim. Por ninguém. Mas não quero também ter apenas a mim. Talvez eu posso fazer mais do que apenas separar os feijões. Talvez não seja impossível entender e ser entendida. Vou tentar, pois gosto muito desse blog. Gosto muito quando vocês me leem.

Me desculpe, quem se ofendeu. Vou continuar a publicar meus rascunhos,
espero não machucar ninguém, são só palavras que eu não gostaria que
morressem apenas porque seu breve presente já passou.
Me desejem boa sorte.



Good luck

6 comentários:

  1. Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas.
    Antoine de Saint-Exupéry

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por isso decidi pedir boa sorte, pois vou tentar cativar a paz. :3

      Excluir
  2. Ei, Tábata! Vi que você passou pelo meu blog (tadinho, está meio abandonado, rs) há um tempinho e deixou uns comentários lá! Obrigado pela gentileza. Quem sabe isso não me anime a voltar a escrever?

    Seu blog também é bem legal. Sobre este seu texto, ele explica boa parte do meu problema: tenho zilhões de ideias sobre o que escrever, mas ando "travando"... acho que me cobro demais, sei lá.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa, escreva sim, gostei de ler seus posts! :D
      Semana passada estive num encontro de blogueiros e nós falamos exatamente sobre isso, sobre estar "travado".

      É o famoso bloqueio criativo ahahaha
      Mas força que uma hora vai! rs

      Beijos Luís, força na peruca! ;)

      Excluir
  3. Gostei.

    Acho que voce está escrevendo muito bem, continue a escrever se isso lhe faz bem. Continuará a encantar a todos com suas palávras.

    tchau tchau

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Weee vlw Bruno! :P Um dia pretendo fazer um blog mais alto nível ahahaha, esse aqui as vezes vira um poço de lamentações, mas acho viável já que é diário.

      Preciso dar uma passada no seu, deixei de ler muita coisa nesse meio tempo que fiquei sem postar nada x.x

      Valeu pela força cara, beijones! ♥

      Excluir