quarta-feira, 25 de maio de 2011

Eles disseram, mas ela não acreditou.

(Cada cor, um caso)



O menino de longe disse:
- Eu te amo.
Mas ele jamais poderia ama-la. Pois gostava de meninos.
________________________________________________________________


O rapaz que dirigia o carro, passou o braço por seus ombros enquanto dirigia, e seguiu dizendo:
- [...] Eu não sei o que é direito, mas eu sinto uma vontade grande de te proteger ... Eu sempre vou te proteger daqui pra frente!
Ela se limitou a sorrir, mas mentalmente empurrou o seu braço, e disse friamente:
- Eu não preciso ser protegida.
Era mentira. Tudo que ela sempre quis era ouvir aquilo de alguém, e ele transformou a cena em algo cinematográfico. Mas era apenas por beleza. Ele não tinha verdadeiramente a intenção de cumprir o que dizia, mas também não queria partir os sentimentos dela. E ela sabia. Por isso apenas sorriu de volta, como se acreditasse em tudo.Ele disse simplesmente porque era bonito, e porque ele talvez sempre quis dizer aquilo pra alguém. Desiludido de encontrar a pessoa certa, disse a ela.
Mal sabendo que acabara de desiludi-la também, pois esses momentos "mágicos" são como os aniversários de 15 anos: Só se vive uma vez.

________________________________________________________________


Ela tremia de nervoso e ansiedade ... Não esperava que o tapa que viu sua amiga distribuir no namorado fosse tão real! Ela observava de longe, e tremia. Ele pegou suas mãos, sem se importar com a cena ao lado, e passando a mãos em seus cabelos disse:
- O que foi? Não precisa ter medo, eu estou aqui.
Ela não sabia o que fazer. Não sabia se se derretia, por estar ouvindo aquilo do garoto que estava apaixonada, ou se vomitava na cara dele, por saber que ele só estava fazendo uma cena barata para conquista-la, já que havia feito uma aposta com os amigos antes,. Ficaria com ela aquela noite, pois sabia que ela era apaixonada por ele, e a aposta era fácil. " - Eu tenho taco!" Ele disse, antes de seguirem para a casa dela. Mas seus amigos puderam caçoar de sua cara, no momento em que foi rejeitado, pois ele não esperava que a garota já soubesse de tudo isso, apenas por adivinhação.
Ninguém escolhe por quem vai se apaixonar, mas escolhe as atitudes que vai tomar, e as dela, quase nunca coincidiam com o coração.

_________________________________________________________________


Ele estava viajando num torneio de judô. Arrumou um tempo, telefonou pra ela e disse que estava com saudades. Muitas saudades! Disse " - Quando eu voltar, você vai naquela festa não é? Vá por favor, quero muito te ver!" E ela concordou em ir. No dia da festa, ela o viu de longe, e correu pra cumprimentá-lo com um sorriso! Mas ele apenas a olhou frio, e disse um breve "oi" como se ela fosse uma estranha. E voltou a olhar pra onde estava olhando antes, frio. Ela insistiu, mas ele não deu bola. Ela deu de ombros e foi caminhar. Um amigo dele precisou dizer a ela no meio da festa, que ele estava terminando o namoro. Já que estava na chuva, resolveu se molhar, terminou de curtir a festa sozinha.
Depois de uns dias ele se arrependeu, e pediu pra voltar. O coração dela se encheu de esperanças, e seus olhos quase brilharam, porém antes de ela dizer "sim", ele impôs: " - Vamos voltar a namorar escondidos! As pessoas nos atrapalham muito quando estamos juntos oficialmente." ... E ela voltou a ficar cinza. Era mentira, ele estava mentindo. Não era aquele o motivo, ele já tinha outra, e quis baixar o cargo dela para mera amante. Ela o mandou embora, e nunca mais abriu a porta de casa pra ele. Ele disse muitas vezes que a amava, mas ela sabia, era mentira.

_____________________________________________________________________


Eles estavam no ônibus indo pro colégio, haviam terminado, como sempre, mas não conseguiam ficar longe um do outro.
Não se falavam, mas ele sentou ao seu lado, e no meio do caminho segurou a sua mão.
Ela tremeu, e sorriu disfarçada. Começou a falar um monte de bobagens, ainda boba com ele segurando a sua mão. Então ele disse de repente:
- Casa comigo.
Ela riu, mas ele falava sério. Ela quase teve um tréco, quando percebeu.
Mas eles tinham planos e vidas diferentes, por mais que se amassem, não foi com ele que ela casou.
Mas dessa vez, só dessa vez, ela quase acreditou.








E sabem qual é o resultado? Amores estranhos .

E são tantas histórias que ela não contou,
e são tantas memórias que o tempo apagou,
formam versos, poemas ...
Cartas de amor ♪

8 comentários:

  1. infelizmente esta historia se repete por muitas vezes hoje em dia! O casal mais lindo e mais unido que poderia se formar, separados pelo capricho da vida! As vezes por planos prifissionais ou familias diferentes. em casos que forma de gozar a vida separa um amor tbm! Casos que acontecem com ricos e pobres, brancos e negros, enfermos e sãos! É assim a vida, cheia de alegrias e tristezas. É uma caixa de bombons vc nunca sabe quais terão la dentro.

    ResponderExcluir
  2. Nossa seu post superou o meu com certeza. Cada caso que eu lia passava uma coisa diferente na minha cabeça; Mais no fim das contas ando tão cansada dessas mentiras =[
    O ultimo caso foi surpreendente. Acho que vou dormir pensando nisso ><

    ResponderExcluir
  3. KOSAKOSAKOSAKOS, não superou não bobona!
    A diferença é que o seu é uma conclusão, e o meu seria o decorrer antes da conclusão.
    Um completa o outro!

    KOSAKOSAOKASKO, é, o último caso foi incrível e bem incomum! Ainda mais na nossa idade hahaha
    Por isso deixei pro final [/mentira, eu vou pensando e escrevendo]! E coloquei em rosa, pois é uma das histórias mais "apaixonadas".
    Todas verídicas.

    ResponderExcluir
  4. Nossa agora eu gostei hehehe
    A podia e pode usar a imagem que quiser lá do meu blog *-*

    ResponderExcluir
  5. Boa noite, Tábata!
    Esse seu post me entreteu por alguns minutos com gosto de quero mais, por tanto cheguei em uma conclusão:

    Se combinando as 256 quantidades possíveis de vermelho com as 256 quantidades possíveis de verde e as 256 quantidades possíveis de azul conseguimos criar mais de 16 milhões de cores diferentes (256×256×256), ficarei no aguardo de outros casos...

    ResponderExcluir
  6. *--------------------------------*

    Ai Rapha, é por isso que eu te amo! ♥

    Hahaha

    ResponderExcluir