quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

O amor que nunca soube dar



Você já gostou MUITO de uma pessoa ? Mas gostar assim no sentido de não conhecer NUNCA MAIS ou durante muito tempo alguém igualmente especial pra você, e especial como pessoa ? Eu já. Não sei hoje se amei, mas sei que até hoje foi o sentimento mais forte que tive por alguém, e sei que já sofri demais por diversos relacionamentos amorosos, como todos hão de sofrer ou também já sofreram. É natural, a vida é assim. Mas esse rapaz me foi um EXEMPLO como pessoa e como namorado.
Não quero dizer que ele foi completamente correto. Nem eu. Mas nenhum erro importa, diante da grandeza do sentimento que tive por ele, diante do respeito e da admiração! ... Hoje aos poucos algumas coisas vão se desfazendo, outras vão se modificando em relação a nós. Umas para melhor, outras nem tanto. Mas me vi aqui obrigada a cita-lo em meu diário, pois ele foi um pedaço da minha história.
Tem coisas que dão e passam, mas tem outras que te modificam para sempre, e constroem o que você é hoje, ou quem será amanhã.

Hoje eu busco um amor igual ou maior do que este que senti. Mas esse amor, é muito especial, não será dado a qualquer um. Não por se conservadora ou coisa assim, mas não posso oferece-lo assim, eu não suportaria o desengano. Por isso não tenho pressa na busca desse amor! É valioso demais, e por mais que eu deseje imensamente reparti-lo, preciso ter calma para não me estrepar. Sei que hei de namorar muitos outros, e crer que amo muitos outros ... Outros nem tanto, virão apenas para me passar o tempo agradavelmente. Mas sei com certeza que muitas águas virão. E um dia hei de oferecer esse amor a pessoa certa, ou leva-lo comigo ao túmulo.

"Pra você guardei o amor que nunca soube dar, o amor que tive e recebi sem me deixar sentir
Sem conseguir provar, sem entregar e repartir ...
Pra você guardei o amor que sempre quis mostrar, o amor que vive em mim, vem visitar!
Sorrir, vem colorir, solar, vem esquentar e permitir!
(...)
Guardei sem ter porque, nem por razão, ou coisa outra qualquer
Além de não saber como fazer
Pra ter um jeito meu de me mostrar ... " ♪

Para quem darei esse amor, ainda não sei. Pode ser que futuramente eu encontre o merecedor. Pode ser, que também futuramente, eu venha a ceder esse mesmo amor para a mesma pessoa que o fez existir, e com mais intensidade! Nunca se sabe não é? Já diz o ditado "o futuro a Deus pertence". Seria interessante ceder esse amor à ele novamente no futuro, e dessa vez, sem erros pra afastar! Mas ele teria que evoluir em alguns aspectos sociais para isso, e isso dele já não espero infelizmente. (Não estou culpando-o de nada, nem me insentando da minha parcela de culpa por não termos dado certo. O caso nem é esse no momento.)
Enfim, esse post explica muito de mim. Explica porque eu sofri e hei de sofrer por ceder amor demais, e também por eu ser tão desprendida para com outros casos, em que eu apenas como na descrição do blog sou como a chuva de verão, que dá e passa. Pois ninguém vive sem amor, seja sério ou seja passageiro.

O que acham ?

Créditos:
Edição de fotos (ganhei um assistente!) : Luan de Oliveira Medeiros
música: Pra você guardei o amor de Nando Reis
texto: Tábata Borges (eu, é claro)

7 comentários:

  1. Bem profundo, seu texto Tábata, foi lá no fundo da alma, e buscou as palavras e as empregou de uma tal maneira, que quando o texto desandou totalmente, até você se surpreendeu ( eu suponho ) mas, ... muitos sentem o que você acabará de citar, e não sabem lidar com o sentimento que estão dentro de si... ( ou seja , tentar guardar consigo, sem se preocupar com o que fazer, e simplesmente deixar as coisas acontecerem para que esse sentimento Lindo, flua de uma forma natural... ( o coração faz todo o processo de selecionamento, para esse esse sentimento possa fluir, e então nós possamos soltar todo o tesouro que está guardado conosco e viver tais momenos incrivéis ) PS: Viajei na márola, mais enfim... a realidade é que as pessoas auto se machucam por não saberem lidar com tais sentimentos, e aos poucos vão aprendendo... [ FICO FELIZ POR VOCÊ TÁBATA ESTÁ CUIDANDO DE SI PRÓPRIA... E CULTIVANDO ESSE AMOR QUE ESTÁ DENTRO DE SI, PARA QUE NA HORA CERTA VOCÊ SE ENVOLVA, E FIQUE FELIZ COM TAIS MOMENTOS... SEM SE MACHUCAR, DEIXANDO AS COISAS FLUIREM DA FORMA CERTA...] aaaaaaah, adimiro tanto você Tábata, e gosto muito também, beijos e até o próximo texto <3 Por: Carla Muriel <3

    ResponderExcluir
  2. Um dia talvez eu sinta o mesmo e faça um texto parecido no meu blog!¬¬
    Por hora....
    ODEIO ESSA MÚSICA DO NANDO REIS!!!!
    kkkkkkkkkkkkkkkk
    de resto....tu escreve bem moça!
    Feliz Natal com muito AMOR pra vc e todos nós!
    E que dessa vez dê certo!XD
    Beijos....♥

    ResponderExcluir
  3. Ahahahaha, Muriel e Lelo, essa madrugada foi de grandes inspirações e revelações para mim. Ahahaha, sabem, quando eu escrevo, tomo consciência do q sinto na mesma hora. São coisas que as vezes nem sei que se passam comigo, mas começo a escrever e tudo vem a tona! Como se o meu eu íntimo me revelasse verdade que o meu eu exterior não sabia (droga, isso que estou escrevendo poderia ser um post --') ahaha.

    De qualquer forma, obrigada pelo carinho Muriel, e não se oprima Lelo ahaha ♥

    ResponderExcluir
  4. Vc está conseguindo uma coisa linda Tábata: expressar os seus sentimentos mais íntimos em palavras sem ser drámatica e nem se expor. Me conta quem é a "pessoa" do post? (será q é quem eu tô pensando...!) Beijos

    ResponderExcluir
  5. kkkkkkkkkkkkkkkkkkk, o ser da pessoa do início do post? hmmm não sei, em quem você está pensando? ahahaha aposto que não adivinha. ;D

    Bjoo ♥

    ResponderExcluir
  6. Pow, Volto a dizer...Sua Inteligencia me surprende sempre mais...

    e esse cara que vc sita no texto, deve ser um mané, esquece ele e vem comigo...

    ahhh...e essa musica do nando reis é linda igual a vc na foto lá em cima..

    ResponderExcluir
  7. Ahhh Joe, só vi seu comentário agora! Hahaha

    Me dê a mão vamos fugir daqui ♪ O que acha? hahaha.

    Falando sério, obrigada Joe, é muito importante ter esse reconhecimento de você e dos meus leitores (:
    Queria inclusive que os leitores fantasmas também comentassem as vezes --'
    Obrigada, é bom saber que você pensa assim de mim. <3

    ResponderExcluir